Versões Moderninhas de Clássicos

28 julho 2014



Muitas pessoas não sabem, mas muitos de nossos filmes favoritos são baseados em livros clássicos da literatura. E eu, apaixonada como eu sou por clássicos depois de descobrir que vários filmes que eu adoro são baseados em livros que eu amo de paixão comecei a ver esses filmes de uma outra maneira. Se você não gosta de clássicos, talvez essa seja sua chance para dar uma oportunidade a esses livros incríveis e se apaixonar por eles.
Confira abaixo a minha mini lista com alguns filmes que foram baseados em clássicos. 


Filmes: 10 Coisas Que eu Odeio em Você (1999) | A Megera Domada (1967)

O filme  10 Coisas Que Eu Odeio em Você foi baseado na peça de William Shakespeare A Megera Domada. No filme Catarina é Kat, uma garota de opinião forte e que não se deixa levar pela opinião dos outros. Kat tem uma irmã mais nova que só pode namorar depois que ela (kat) estiver namorando. Já no livro a questão é o casamento, a irmã mais nova - Bianca - só pode se casar depois que Catarina estiver casada, lei essa imposta pelo pai das meninas. No filme quem consegue dobar a "megera" é o Patrick, um bad boy contratado para sair com Kat a mando de Joey que que namorar Bianca, já no livro, Patrick é Petruchio um fidalgo de Verona que está a busca de um bom dote.
Essa história também serviu de base para a novela "O Cravo e a Rosa" da rede globo, e podem dizer o que quiserem, mais eu adoro essa novela.

Filmes: As Patricinha de Beverly Hills (1995) | Emma - série bbc (2009)

As patricinhas de Beverly Hills também foi baseado em um romance do século XIX, da minha autora favorita, Jane Austen. 
Bem, o filme conta a história de Cher, uma garota rica e mimada que vive sua vida alienadamente, sobrevivendo de comprar em shoppings e conversas no telefone. Cher é venerada por todos a não ser por Josh, enteado de seu pai e o único que tem coragem para critica-la. Já no livro Cher na verdade é Emma, uma garota de família rica e só existe uma grande diferença entre as duas... logo no primeiro capitulo de Emma, ela é descrita como "Bela, rica e INTELIGENTE" e convenhamos que em questão de inteligencia a Cher deixa um pouquinho a desejar. E o Josh no livro é o Sr. Knightley que também o único capaz de repreender Emma quando ela faz algo errado. 
Se Cher não que namorar garotos do colégio, Emma tem a ideia de nunca se casar; Se Cher faz uma "caridade" ajudando a Tai, Emma tenta fazer com que Herriet faça parte da sociedade e encontre um bom marido.  As semelhanças entre o filme e o livro são infinitas.

Filmes: Ela é o Cara (2006) | Noites de Reis (1996)

Esse eu fiquei muito surpresa quando eu descobri. Gosto muito do filme mas não conhecia ainda "Noites de Reis".
No filme Ela é o Cara, Viola é um das melhores jogadoras do time de futebol  feminino que não se conforma por não poder mais jogar pois o time foi extinto do seu colégio, então ela vê como sua unica chance de continuar jogando é assumir a vaga do seu irmão gêmeo no time da faculdade Tudo ia dando certo até a ex-namorada do seu irmão aparecer e Viole se apaixonar por seu colega de quarto. 
Já no livro nós viajamos para uma época em que todos os personagens de uma peça são interpretados por homens, porém nós encontramos um ator que na verdade é uma mulher que finge ser um homem.
Filmes: Aroma e Sensibilidade (2011) | Razão e Sensibilidade (1996)

Esse filme eu inda não tive a oportunidade de ver, mas notei que muitas pessoas estavam falando a respeito então achei legal falar que ele na verdade é baseado em um dos meu livros favoritos da Jane Austen, Razão e Sensibilidade.
O filme retrata as irmãs Dashwood (Elinor e Marianne) que depois de seu pai ser acusado de burlar investidores precisam fazer seu próprio caminho. Sempre tendo tudo em suas mãos elas encontram dificuldades em se adaptar com a nova vida que o destino as proporcionou. Vivendo uma vida tumultuada, as jovens tentam o equilíbrio confiando em seus corações e agindo com bom senso. 
No livro as irmãs Dashwood se encontram sem rumo depois que seu pai morre. Nessa época os bens da família só podem ser passado para o filhos homens (se não tiver filhos, vai para o primo, só não pode ficar com as mulheres), e como o pai delas era viúvo do seu primeiro casamento, todos os bens da família é passada para o meio-irmão das jovens. 
Sendo assim,  Elinor que é a razão e Marianne é a sensibilidade, enfrentam a incerteza do futuro que as aguarda.

E ai, já leu alguns desses livros? Sim, porque os filmes eu tenho certeza que vocês já devem ter visto. Se você se interessou por alguns deles, "A megera Domada" e "Noites de Reis" estão no livro Contos de Shakespeare da editora GloboLivros, mas você pode encontrar outras edições com os contos separados. Já os dois romances de Jane Austen foi traduzido por varias editoras diferentes, tem a coleção da Penguin, a da Martin Claret entre outros...  eu por exemplo, cada livro da Jane Austen é de uma edição diferente.
Espero que tenham gostado do post e até a próxima. 

15 comentários:

  1. Fiquei surpresa quando vi aqui que As patricinhas de Beverly Hills e Ela é o cara, foram baseados em livros, nem imaginava isso hahaha Achei o post super interessante, um grande beijo!

    http://quebrarosilencio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ela é o cara foi baseado em livro? Fiquei surpresa agora.
    Legal, gostei!
    Beijos ♥
    rabiscosdamah.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto muito do filme 10 coisas que eu odeio em você e não sabia que ele tinha sido baseado em um livro, alias não tinha conhecimento que esses filmes eram baseados em clássicos. Ainda não li nenhum dos livros. :) Beijos

    www.lacerejinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Já asssiti todos. Ela é o cara, é o meu favorito <3
    Beijos | www.doseujeito.tk

    ResponderExcluir
  5. Não sabia disso :O Que bacana! É uma forma de levar os clássicos até o público mais jovem.
    Estou louca para ler os livros da Jane Austen. Adorei demais o post!
    Beijos, Cyn.
    http://ograndetalvez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso, pena que muitos não se interessam e vêem apenas como um filme adolescente qualquer sem saber que por trás dele a uma outra história.
      Super recomendo você a ler, eu adoro os livros dela.

      Excluir
  6. Muito bacana o post, já conhecia alguns e é legal saber que vários clássicos caíram no gosto do povo de novo.

    http://paginasefrases.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. ja vii todos, menos aroma e sensiblidade .

    Beeijos, ♥ || INSTAGRAM: @luannaandrade_

    http://www.paaradateen.com
    http://www.facebook.com/PAARADATEEN

    ResponderExcluir
  8. Tem muitos que eu não conhecia, mas os que foram baseados na megera domada eu já tinha ouvido falar, amo o filme 10 coisas e a novela o cravo e a rosa
    B-jus
    esqueceatristeza.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também. É uma história super divertida não importa em qual versão ^^

      Excluir
  9. O filme 10 coisas que eu odeio em você é uns dos meus favoritos, já assisti várias e várias vezes e fiquei surpresa ao saber que foi inspirado em Shakespeare! Gostei muito do post, muito bem feito, quero muito ver os outros filmes!

    Não conhecia o blog, estou visitando pela primeira vez e gostei muito, estou participando!

    Beijos

    Ah, se puder visitar meu blog, criei esses dias: febre-de-sentir.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um dos meus também.
      Se você reparar tem varias homenagens a Shakespeare, a amiga da Kat por exemplo, adora ele e vive citando frases.

      Excluir
  10. Amei o post !!
    o filme 10 coisas q odeio em vc é um dos que mais amo <3 só fiquei sabendo que AROMAS E SENSIBILIDADE é adaptação pq me toquei na semelhança do nome kkk ai achei esse seu post com muitos outros :3
    Beijocas :D

    se puder,da uma passadinha no meu blog? http://www.leitorasocultas.com

    ResponderExcluir

© Janela de Memórias - 2013. Todos os direitos reservados.
Criado por: Caroline Morais.
Tecnologia do Blogger.